Bonito, Mato Grosso do Sul - 7 de Dezembro de 2019
Meio Ambiente

MS atinge 600 focos de fogo em 1 dia e Pantanal recebe posto de comando

Pontos de incêndios florestais na região dispararam no dia de ontem.

Com informações de Campo Grande News e Bonito Informa
Em 29 de Outubro de 2019 às 14h12
(Reprodução/Grupo Unidos Conservamos)

Somente nesta segunda-feira (28), dados de monitoramento do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) registraram 600 focos de incêndios florestais em Mato Grosso do Sul, dos quais 584 distribuídos entre Corumbá, Aquidauana e Miranda, região pantaneira. Com a disparada das queimadas, um posto de comando foi montado na área e o combate reforçado.

Os pontos de incêndio detectados ontem superam a soma de focos identificados pelo Inpe entre sexta (25) e domingo (27), de 510. O recorde do ano é do dia 10 de setembro, com 678 focos, registrados no dia anterior à declaração de situação de emergência em Mato Grosso do Sul por causa das queimadas.

Os incêndios acabaram afetando a rede de distribuição de energia elétrica e a banda larga da internet. No final da tarde de domingo, Corumbá teve três interrupções seguidas no fornecimento de luz. A internet banda larga também foi afetada. De acordo com o Diário Corumbaense, as oscilações começaram ainda na tarde de domingo, e na manhã desta segunda o sinal foi interrompido antes das 8:00, deixando os sistemas bancários e transações com cartões de crédito sem funcionar em Corumbá. O sinal começou a ser reestabelecido, por volta das 13:00.

Conforme o coordenador da Defesa Civil Estadual, coronel Fabio Catarineli, o posto de comando foi instalado. A região do Passo do Lontra, nas proximidades do Morro do Azeite, concentra a faixa de incêndio florestal mais alarmante. “Estamos com vários militares dos Bombeiros e brigadistas na região, além do apoio aéreo, e chegou mais reforço hoje”, detalhou Catarineli.         

A aeronave Air Tractor, cedida pelo Corpo de Bombeiros de Mato Grosso, também opera desde ontem no combate ao fogo. O avião, com capacidade para despejar 3 mil litros de água, estava em Campo Grande para ser exposto durante a 7ª Wildfire - Conferência Internacional sobre Incêndios Florestais.

Segundo já havia informado o titular da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruck, o combustível da Air Tractor será custeado por proprietário de fazenda atingida pelo incêndio florestal. “A gente não sabe dizer quem, mas sabemos que é um incêndio provocado. São vários focos ao mesmo tempo, concentrados numa só área”, aponta Fabio Catarineli. Segundo ele, o vento forte e a vegetação seca contribuem para alastrar o fogo.

A Polícia Rodoviária Federal está recomendando aos motoristas que evitem viajar no período noturno, na BR-262, até que cessem as queimadas entre Corumbá e Miranda. “A PRF está fazendo o controle, mas, além da fumaça, da baixa visibilidade, os animais que fogem do fogo atravessam a estrada e podem causar acidentes”.

Catarineli ainda descartou, neste momento, a possibilidade de reforços provenientes de outros estados, como ocorreu em setembro, quando bombeiros do Distrito Federal auxiliaram no combate aos incêndios no Estado. Porém, conforme o coordenador, existem conversas para deslocar até o Pantanal brigadistas do Prevfogo (Centro Nacional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais) que participam da 7ª Wildfire, em Campo Grande.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.