Bonito, Mato Grosso do Sul - 31 de Julho de 2021
Meio Ambiente

Tamanduá-mirim é resgatado de área incendiada do Banhado do Rio da Prata

O animal não estava ferido e foi solto em uma área que não foi afetada pelo incêndio.

Ketlen da Silva
Em 15 de Julho de 2021 às 12h37
(Divulgação)

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental de Jardim, que participa do Grupo de Resgate Técnico Animal Cerrado Pantanal (GRETAP-MS), criado no último dia 16 de abril, para resgate de animais vítimas dos incêndios, está trabalhando, juntamente com um biólogo e uma médica veterinária do Instituto Homem Pantaneiro (IHP), em busca de possíveis animais feridos devido ao incêndio ocorrido na região do Banhado do Rio da Prata.

Nesta quarta-feira (14), a equipe encontrou um animal silvestre da espécie Tamandua tetradactyla (Tamanduá-mirim) em meio a área de vegetação incendiada. A PMA capturou o animal e o médico veterinário o examinou, atestando que não possuía ferimentos.

A equipe então removeu o tamanduá e realizou sua soltura em uma área de vegetação não afetada pelo incêndio.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.