Bonito, Mato Grosso do Sul - 15 de Abril de 2021
Meio Ambiente

PMA fiscaliza 15 embarcações e acampamentos no rio Miranda e autua dois por pesca ilegal na região

Cada pescador foi multado em R$ 300,00 e, durante os trabalhos, também foram apreendidos 27 anzóis de galho e dois espinheis com 20 anzóis cada um.

Ketlen da Silva
Em 29 de Março de 2021 às 12h45
(Divulgação)

A Polícia Militar Ambiental de Miranda realizou fiscalização no rio Miranda, desde a ponte do Distrito do Salobra até a região conhecida como Maria do Rosário,no último sábado (27) desde a madrugada até o início da noite, vistoriando vários acampamentos de pesca e abordou 15 embarcações com pessoas em atividade de pesca amadora, quatro acampamentos e pescadores que praticavam a pesca no barranco do rio e todos foram orientados sobre as normas de pesca.

Durante os trabalhos, dois pescadores foram autuados por pesca ilegal. Um paranaense (39), residente em Curitiba (PR), e um morador de Dourados (38) que pescavam em locais deferentes e estavam sem a licença ambiental de pesca. Com os infratores foram apreendidos dois molinetes com varas. Eles ainda não haviam capturado nenhum pescado no momento da abordagem. Cada pescador foi autuado administrativamente e multado em R$ 300,00.

A pesca sem licença não é crime ambiental, porém, a PMA alerta que é documento necessário para a pesca no Estado e sua falta caracteriza-se como infração administrativa, que prevê, além da multa mínima de R$ 300,00 até a máxima de R$ 10.000,00, a apreensão de barco, motor, produto e material da pesca, bem como veículos utilizados.

Durante os trabalhos, também foram apreendidos 27 anzóis de galho e dois espinheis com 20 anzóis cada um. Os proprietários dos petrechos ilegais não foram identificados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.