Bonito, Mato Grosso do Sul - 30 de Novembro de 2020
Meio Ambiente

PF realiza operação para apurar crime ambiental no Pantanal de MS

A investigação teve início em junho de 2019 e visa apurar a ocupação e exploração de áreas indígenas além de crimes ambientais decorrentes de desmatamento.

Ketlen da Silva
Em 22 de Outubro de 2020 às 14h48
(Divulgação)

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (21) a Operação CEUCI, que investiga a ocorrência de crimes ambientais e invasão de terras da União, em áreas da Reserva Indígena Kadiweu em Mato Grosso do Sul.

Em continuidade às investigações, estão sendo cumpridos 30 mandados de busca e apreensão expedidos pela 5ª Vara da Justiça Federal de Campo Grande nas cidades de Miranda, Bodoquena e Campo Grande, com o emprego de aproximadamente 110 policiais federais.

A ação conta ainda com o apoio do Exército Brasileiro, através da disponibilização de aeronaves e de servidores do IBAMA.

A investigação teve início em junho de 2019 e visa apurar a ocupação e exploração de áreas indígenas além de crimes ambientais decorrentes de desmatamento.

Com o cumprimento dos mandados de busca e apreensão, a Polícia Federal pretende identificar os ocupantes das referidas áreas, bem como eventuais atividades econômicas desenvolvidas e a existência de danos ambientais.

A Polícia Federal ressalta que, em razão da situação de pandemia da Covid-19, foi planejada uma logística especial de prevenção ao contágio, com distribuição de EPI's a todos os envolvidos na missão, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas, investigados e seus familiares.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
Em 27 de Novembro de às 16h34
Angelo Rabelo, Diretor do Instituto Homem Pantaneiro (IHP),  ressalta que ações de recuperação estão sendo tomadas para reverter a situação.
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.