Bonito, Mato Grosso do Sul - 28 de Setembro de 2020
Meio Ambiente

Passeio de cachoeiras em Bonito celebra 1 ano de parceria com o Instituto Arara Azul

O objetivo da parceria é de que os ninhos sejam utilizados como abrigo tanto para as araras azuis bem como de outras espécies.

Carla Layane
Em 16 de Setembro de 2020 às 08h44
Ninhos artificiais instalados na Estância Mimosa Ecoturismo.

Em setembro de 2019, a Estância Mimosa Ecoturismo , passeio de cachoeiras em Bonito (MS), iniciou a parceria com o Instituto Arara Azul e, por meio dela, 10 ninhos artificiais foram instalados em diferentes locais.

O objetivo da parceria é de que os ninhos sejam utilizados como abrigo tanto para as araras azuis (Anodorhynchus hyacinthinus), bem como de outras como a arara-vermelha e a arara-canindé, além de auxiliar na reprodução das espécies.

Na ocasião, 4 ninhos foram instalados na área da Estância Mimosa e também às margens da Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN. Em outubro foram instalados mais 4 e em novembro de 2019, mais 2 ninhos.

O Instituto Arara Azul compartilhou um relatório sobre as ações e resultados em 1 ano de parceria. Entre os ninhos instalados, destaca-se o "Ninho 2322", o mais explorado pelas araras azuis no atrativo. "As aves foram fotografadas várias vezes, entrando e saindo do ninho. Entretanto, neste período reprodutivo ainda não ocuparam o local para se reproduzir, mas foi um bom sinal de que as araras da região já encontraram os ninhos e, possivelmente, em anos posteriores poderão ocupar algumas das caixas instaladas".

Luiza Coelho, Diretora de Sustentabilidade do Grupo Rio da Prata, revela a satisfação em somar esforços em prol da natureza. " Ficamos emocionados quando vemos um trabalho tão difícil e de longo prazo como este do Instituto Arara Azul e do Instituto Arte do Fazer, ações realmente feitas com carinho, amor e dedicação para com uma espécie tão magnífica como a Arara Azul. E o mais legal é ver que os frutos foram colhidos e continuarão sendo. A Estância Mimosa tem registrado aparições de Arara azul, e elas já estão aprendendo a usar os ninhos artificiais. Ficamos muito satisfeitos em contribuir com a natureza, este é o propósito do nosso ecoturismo. Ajudar a natureza a ficar cada vez mais forte e bonita".

Thyago Sabino, gerente do atrativo, celebra também a parceria. "Quando fomos atrás do projeto, visando a parceria, tínhamos como objetivo de que a Estância Mimosa também fosse uma residência permanente dessas espécies, das araras em específico. Nossa ideia era oferecer condição ideal no ambiente. Depois de instalados os ninhos, com quase 1 ano de monitoramento, concluímos que estávamos certos a respeito de tudo que pensávamos: a Estância Mimosa é uma área com grande potencial para que essas espécies vivam bem".

Além da Estância Mimosa, o Recanto Ecológico Rio da Prata e Lagoa Misteriosa , integrantes do Grupo Rio da Prata localizados em Jardim (MS), mantém a parceria com o projeto Arara Azul, desde fevereiro de 2012 quando foram instalados os primeiros ninhos artificiais nas dependências das fazendas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.