Bonito, Mato Grosso do Sul - 31 de Julho de 2021
Meio Ambiente

Homem é multado em R$ 2 mil por incêndio em vegetação de Bonito

A queima controlada está proibida por 180 dias a contar de 12 de julho de 2021, mesmo para quem possuía licença e não havia realizado a queima.

Ketlen da Silva
Em 15 de Julho de 2021 às 17h04
(Divulgação)

Um homem foi multado pela Polícia Militar Ambiental por incêndio. Aparentemente, depois da antecipação da proibição da queima controlada, inclusive para quem possuía licença e não havia realizado a queima, as pessoas estão correndo para usar o fogo logo neste início, em propriedades e em limpeza, possivelmente por não ter realizado o pedido de licença no momento em que podia conseguir autorização. Como os policiais na operação Prolepse estão intensificando essa fiscalização, várias pessoas estão sendo autuadas. Só nestes últimos dois dias, foram cinco autuados.

Nesta quinta-feira (15), a Polícia Militar Ambiental de Bonito realizou trabalhos preventivos e informativos por meio de panfletagem e de Educação Ambiental em prevenção aos incêndios na operação Prolepse nas propriedades rurais do município e, enquanto visitavam uma propriedade rural, localizaram um incêndio em andamento.

A equipe policial constatou o incêndio em tocos e galhos oriundos de supressão vegetal. O proprietário possuía a autorização para a supressão da vegetação, mas não havia licença para a queima. O infrator (63), residente em Bonito­­­­, foi orientado quanto aos problemas relativos aos incêndios, especialmente neste período seco. Ele foi autuado administrativamente e multado em R$ 2.000,00.

A queima controlada está proibida por 180 dias a contar de 12 de julho de 2021, mesmo para quem possuía licença e não havia realizado a queima.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.