Bonito, Mato Grosso do Sul - 23 de Outubro de 2020
Meio Ambiente

Força-tarefa que combate incêndios florestais no MS é reforçada com 400 integrantes e aeronaves

Ela conta ainda com bombeiros de MS e do PR, brigadistas do Ibama e ICMbio e fuzileiros navais da Marinha.

Com informações de Governo de MS - Ketlen da Silva
Em 05 de Outubro de 2020 às 16h48
(Divulgação)

Uma megaoperação, com emprego de mais de 400 homens e mulheres, dezenas de viaturas e barcos e seis aeronaves, está sendo desencadeada pelo Governo de Mato Grosso do Sul para o enfrentamento a reincidência dos incêndios florestais no Pantanal e no Cerrado.

A Operação Estiagem 2020, que se desmembra em várias frentes de ação, passa a contar com 47 combatentes da Força Nacional e 21 bombeiros de Santa Catarina, os quais já se encontram no Estado. A força-tarefa conta ainda com bombeiros de MS e do PR, brigadistas do Ibama e ICMbio e fuzileiros navais da Marinha.

Com o aumento dos focos de calor – eram 108 na manhã desta segunda-feira (05) -, a estrutura montada (combatentes, equipamentos, viaturas e aeronaves) está sendo redimensionada pelo comando central da operação, situada na Marinha, em Ladário.

As bases operacionais funcionarão a partir de Corumbá, Ivinhema, Miranda (Fazenda Bodoquena) e Coxim. Corumbá terá uma sub-base na reserva Acurizal, responsável pelas ações na região da Serra do Amolar; Bodoquena atuará no Parque Estadual do Rio Negro; Coxim, no Parque Estadual Nascentes do Taquari; e Ivinhema, no Parque Estadual de Ivinhema.

Apoio de helicóptero

A guarnição da Força Nacional direcionada pelo governo federal para auxiliar no combate aos incêndios florestais, composta por militares de 15 estados, chegou nesta segunda-feira a Campo Grande. O emprego da corporação foi determinada por meio da Portaria nº 556, do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

A Força Nacional atuará “em caráter episódico e planejado, por 30 dias, em combate aos focos de calor, em atividades de defesa civil e defesa do meio ambiente e  nos serviços imprescindíveis à preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio”.

O comando da Força Nacional se reuniu com a coordenação da Operação Estiagem 2020 e com a Defesa Civil Estadual, oportunidade em que tomou conhecimento do terreno a ser combatido, das especificidades de cada região (Pantanal e Cerrado) e as estratégias de combate aos focos de calor.

No encontro, o coordenador-geral de operações da Força Nacional, tenente-coronel Wilson Melo, do Ceará, adiantou que um helicóptero da corporação com capacidade para lançamento de água será incorporado à operação, procedente de Poconé (MT).

Somatória de esforços

Segundo o oficial, os 47 policiais militares da Força tem formação em combate a incêndios florestais, com experiências em missões especiais, como o socorro a população de Brumadinho e resgate das vítimas do ciclone em Moçambique.

O comandante da operação, coronel Marcos de Sousa Meza, informou que mais de 400 militares e civis formam a nova força-tarefa, com os combatentes da Força Nacional sendo distribuídos para atuarem na região de Sonora e Corumbá, para onde se deslocarão também os 21 bombeiros de Santa Catarina.

“Trata-se de uma integração entre todas as forças para enfrentamento de uma situação atípica de seca e fogo, onde nossos bombeiros estiveram operando em Mato Grosso, da mesma força que o vizinho Estado nos enviou aeronaves. Agora, contamos com o apoio da Força Nacional e dos bombeiros catarinenses”, explicou Meza.

A tropa da Força Nacional foi apresentada na manhã desta segunda-feira ao comando do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul, em ato realizado no Centro de Proteção Ambiental (CPA), no Parque das Nações Indígenas.

Na oportunidade, o comandante do CB/MS, coronel Joílson Alves do Amaral agradeceu, em nome do governador Reinaldo Azambuja, o apoio do governo federal à Operação Estiagem 2020. “Enfrentamos uma situação alarmante, nunca vista há pelo menos 50 anos, e a presença da Força Nacional representa uma somatória de esforços para debelarmos estes incêndios”, disse.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.