Bonito, Mato Grosso do Sul - 20 de Setembro de 2021
Meio Ambiente

Empresa de energia é multada em R$ 5 mil por incêndio em área do Parque Nacional da Serra da Bodoquena

Segundo a empresa, uma ave se chocou com o fio de energia, causou o seu rompimento e quando tocou o solo soltou faíscas na vegetação seca, ocasionando o fogo.

Ketlen da Silva
Em 27 de Julho de 2021 às 12h37
(Divulgação)

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental de Bonito realizou fiscalização em Porto Murtinho e multou uma empresa do setor elétrico que atua em vários Estados do país em R$ 5.000,00 nesta segunda-feira (26) por incêndio em vegetação no bioma protegido da Mata Atlântica.

No local, em contato com o gerente da propriedade, foi informado que, após uma ave (urubu) ter se chocado ao fio de energia, causou o rompimento do fio de alta tensão e quando ele tocou o solo soltou faíscas sobre a vegetação seca, provocando o incêndio.  

No momento da fiscalização, uma equipe da empresa estava realizando o conserto do cabo elétrico e informou que, por motivos desconhecidos, o disjuntor não desarmou com o rompimento do cabo.

O local fica próximo de uma área remanescente de Mata Atlântica e do Parque Nacional da Serra de Bodoquena.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.