Bonito, Mato Grosso do Sul - 1 de Julho de 2022
Meio Ambiente

Carreta carregada com toras de madeira transportadas ilegalmente é apreendida em Bonito

O motorista foi multado em R$ 4,6 mil e poderá responder por crime ambiental, pegando pena de seis meses a um ano de detenção.

Ketlen da Silva
Em 22 de Junho de 2022 às 14h44
(Divulgação)

A Polícia Militar Ambiental do Distrito de Águas do Miranda, em Bonito, realizava fiscalização ambiental nesta terça-feira (21) à tarde em uma estrada vicinal, localizada a 30 km da cidade, e abordaram um veículo Scania com carreta carregada de madeira em toras, que estavam sendo transportadas ilegalmente.

Os policiais verificaram que o veículo transportava 12 toras de madeira nativa das espécies carvão-branco, angico, ipê e vinhático, que mediram 16 m³, sem o Documento de Origem Florestal (DOF), considerado o documento ambiental para o transporte, beneficiamento e armazenamento de qualquer produto florestal, o que se caracteriza como crime ambiental, bem como infração administrativa, que é julgada pelo órgão ambiental estadual (Imasul).

O veículo e a madeira foram apreendidos. O motorista (63) responsável pela carga de madeira irregular, residente em Campo Grande, foi autuado administrativamente e multado em R$ 4.680,00. Ele também responderá por crime ambiental e poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.