Bonito, Mato Grosso do Sul - 20 de Setembro de 2021
Meio Ambiente

Caçador é multado em R$ 1,5 mil com arma, munições, duas cutias e um cateto abatidos em Bonito

Ele foi autuado em flagrante por crime de porte ilegal de munições e arma e por caça dos animais, saindo depois de pagar fiança de R$ 2.200,00.

Ketlen da Silva
Em 06 de Setembro de 2021 às 14h24
(Divulgação)

A Polícia Militar Ambiental de Bonito, que trabalha na operação Hot Point, realizava patrulhamento nas vias vicinais do município e receberam denúncias de que, em uma fazenda, um homem estaria praticando caça ilegal. Os policiais foram ao local no último sábado (4) e encontraram wlwcom uma espingarda. A arma calibre .22 e 30 munições do mesmo calibre não possuíam documentação.

Com relação à caça, o infrator (45), que prestava serviço de empreita na propriedade, confessou que a praticava e levou a PMA a um freezer, onde foram encontrados 10 kg de carne que ele informou ser de cateto ( Pecari tajacu ) e carne de dois animais da espécie cutia ( Dasyprocta punctata ), pesando 5 kg. A arma, munições e as carcaças dos animais foram apreendidos.

O infrator, residente em Bonito, recebeu voz de prisão e foi encaminhado, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Bonito, onde ele foi autuado em flagrante por crime de porte ilegal de munições e arma e por caça dos animais, saindo depois de pagar fiança de R$ 2.200,00. A pena para o crime ambiental de caça é de seis meses a um ano de prisão. O crime de porte ilegal de arma tem pena  de dois a quatro anos de detenção. Ele também foi autuado administrativamente e multado em R$ 1.500,00 pela caça ilegal dos animais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.