Bonito, Mato Grosso do Sul - 24 de Outubro de 2021
Meio Ambiente

Assentado é multado em R$ 60 mil por incêndio no Pantanal

Os policiais mediram a área atingida nas proximidades do Assentamento Canaã com uso de GPS, totalizando 60 hectares.

Ketlen da Silva
Em 16 de Setembro de 2021 às 14h41
(Divulgação)

A Polícia Militar Ambiental de Miranda e Corumbá realizavam trabalhos conjuntos preventivos e informativos por meio de panfletagem e de Educação Ambiental em prevenção aos incêndios na operação Prolepse nas propriedades rurais do município de Bodoquena e, enquanto visitavam propriedades nas proximidades do Assentamento Canaã, no Pantanal, nesta quarta-feira (15) à tarde, perceberam um incêndio na área do assentamento e propriedades vizinhas.

A equipes realizaram os levantamentos para determinação da origem e da causa do incêndio e conseguiram apurar que o responsável era o proprietário de um lote, que havia colocado fogo em uma área de pastagem, onde criava gado, perdido o controle e o incêndio havia atingido outras propriedades, inclusive queimando cercas. Os policiais mediram a área atingida com uso de GPS, totalizando 60 hectares.

O infrator (64), residente em Bodoquena­­­­, que não possuía licença, até porque a queima controlada no Estado está proibida, inclusive para quem possuía licença e não havia realizado a queima, foi autuado administrativamente e multado em R$ 60.000,00. Apesar dos esforços e das orientações, inclusive pela mídia, em relação à proibição dos incêndios, algumas pessoas insistem com esse costume que é bastante prejudicial ao ambiente e à saúde da população afetada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Meio Ambiente
VER TODAS EM MEIO AMBIENTE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.