Bonito, Mato Grosso do Sul - 17 de Janeiro de 2022
Turismo

Nômades digitais podem se inscrever e ter acesso às vantagens do programa Viva Mais Bonito

O programa já reúne cerca de 50 empresas entre atrativos, hotéis, restaurantes, agências e outros negócios, que oferecem descontos especiais para os turistas com o perfil.

Informações Sebrae MS
Em 11 de Novembro de 2021 às 08h02
Flutuação no Recanto Ecológico Rio da Prata. Foto: Daniel De Granville.

Quem é nômade digital ou trabalhador remoto e deseja executar as suas atividades profissionais em um dos destinos de ecoturismo mais bem avaliados do país, pode se inscrever para participar do programa Viva Mais Bonito. A iniciativa, lançada em outubro deste ano, é fruto de uma parceria entre o Sebrae/MS, Prefeitura Municipal de Bonito, Conselho Municipal de Turismo (COMTUR) e Instituto de Desenvolvimento de Bonito (IDB), e oferece benefícios para os adeptos do turismo de longa permanência.

Com a proposta de posicionar o município e região, referência mundial em Ecoturismo, em um destino atrativo para receber pessoas com mobilidade profissional, a partir de políticas de incentivo e organização do trade turístico local, o programa já reúne cerca de 50 empresas entre atrativos, hotéis, restaurantes, agências e outros negócios, que oferecem descontos especiais para os turistas com o perfil.

Como participar?

O programa Viva Mais Bonito disponibiliza o passaporte BYOvisa ao turista nômade, que deve fazer uma pré-inscrição no site vivamaisbonito.com.br. Se o perfil for aprovado, ele recebe o identificador, que permite o acesso a uma série de benefícios, como descontos de até 50% em atrativos naturais e, em média, 40% de desconto em hotéis e pousadas para reservas acima de 30 dias.

Na plataforma, já estão definidos os períodos de gozo do programa, voltados para datas de baixa temporada. O objetivo é incentivar a movimentação de turistas em uma época com fluxo menor. O turista com o perfil de nômade digital ou trabalhador remoto permanece mais tempo que um turista comum nos destinos, vivenciando o local quase como um residente. Desta forma, pela estadia maior, é um viajante que gasta mais na região do que o turista tradicional, consumindo não só produtos turísticos, mas também valorizando os pequenos negócios de vizinhança.

Bonito é referência em Ecoturismo através de uma gestão turístico-ambiental, com políticas que envolvem o poder público, setor privado e comunidade. O município já recebeu diversos prêmios, como 16 vezes Melhor Destino de Ecoturismo (Viagem & Turismo). Bonito também recebeu o selo internacional de turismo seguro Safe Travels, por ter se adaptado às normas de biossegurança devido à pandemia de novo coronavírus.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Turismo
Em 13 de Janeiro de às 16h30
Vai ser encerrado o principal acesso aos centros históricos, bem como equipará a cidade com 500 câmeras, que servirão para monitorizar a circulação dos visitantes.
Em 03 de Janeiro de às 15h53
Regra vale para estrangeiros procedentes de países da lista 'laranja' (que apresentam risco médio para a Covid). Ainda será necessário fazer um teste antes do embarque e outro ao chegar ao país.
VER TODAS EM TURISMO
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.