Bonito, Mato Grosso do Sul - 24 de Outubro de 2021
Turismo

Ministro do Turismo participa de evento em MS e destaca importância do turismo de natureza no Brasil

O ministro Gilson Machado tratou de assuntos como o enorme potencial do Mato Grosso do Sul para o turismo de natureza, o agroturismo e o turismo equestre.

Informações assessoria de imprensa Mtur.
Em 17 de Setembro de 2021 às 08h02
Ministro Gilson Machado Neto cumpre agenda de trabalho em Dourados (MS). Crédito: Roberto Castro/MTur.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, participou na quinta-feira (16.09), em Dourados (MS), da Expoagro Digital, versão híbrida da maior feira agropecuária do Mato Grosso do Sul. Em sua agenda na cidade, o ministro também descerrou a placa inaugural da Praça Antônio Alves Duarte e visitou o Parque de Exposições João Humberto de Carvalho.

No final da manhã, a comitiva do MTur se encontrou com produtores rurais da região. Na oportunidade, a equipe prestigiou o início da safra 2021/2022 de soja no estado. Além disso, tratou de assuntos como o enorme potencial do Mato Grosso do Sul para o turismo de natureza, o agroturismo e o turismo equestre. “O turismo tem todas as condições de ser tão importante para a economia quanto o agronegócio”, reafirmou o ministro.

O ministro também visitou as instalações do Parque de Exposições João Humberto de Carvalho, onde anualmente acontece a Expoagro e que neste ano sedia a parte física do evento. Lá, Machado Neto conheceu algumas máquinas e equipamentos que são comercializados durante a feira, além de passar pelos espaços onde os animais são tratados. “Nós vamos, junto com a ministra da Agricultura, Teresa Cristina, resgatar as feiras agropecuárias em todo o país, inclusive com shows de artistas regionais”, disse. “Além disso, estamos analisando medidas para fortalecer o turismo equestre no Brasil”, completou.

O ministro Gilson Machado Neto descerrou, ainda, a placa de inauguração da Praça Antônio Alves Duarte, que contou com R$ 975 mil disponibilizados pelo Ministério do Turismo. O equipamento já havia sido entregue à população, e o ato simbólico marcou a oficialização de mais uma obra do governo federal. O MTur conta atualmente com 44 contratos de infraestrutura turística no estado, que envolvem a construção de portais e sinalização turística e interpretativa em Dourados.

PALESTRA - À noite, Gilson Machado Neto proferiu palestra na Expoagro Digital sobre a retomada do turismo, seguida de uma mesa redonda com o secretário especial de Assuntos Fundiários, Luiz Antônio Nabhan Garcia; o senador Nelsinho Trad; o prefeito de Dourados, Alan Guedes; o gerente de Promoção Internacional de Projetos Especiais da Embratur, Rodolfo Nogueira; o presidente do Sindicato Rural de Dourados, Ângelo Ximenes, e o coordenador do curso de Ciências Contábeis da Unigran, Domingos Renato Venturini.

Em sua participação, Machado Neto falou sobre os avanços do setor turístico no processo de retomada das atividades, destacou ações adotadas pelo governo federal, o potencial do Brasil e a incomparável beleza do país para atrair visitantes. “Quando comparamos os países, a lapada é grande: ninguém quer competir com o Brasil, pois nada se compara ao que temos”, ressaltou. O ministro sinalizou também a criação de novos cursos de capacitação pelo MTur, como de turismo náutico e equestre.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Turismo
Em 23 de Outubro de às 08h00
Os terminais de Goiânia (GO), Palmas (TO), São Luís (MA), Imperatriz (MA), Teresina (PI) e Petrolina (PE), hoje administrados pela Infraero, serão geridos pelo grupo CCR.
Em 21 de Outubro de às 16h55
As vacinas contra Covid-19 aceitas são Janssen, Pfizer, Moderna, AstraZeneca (Covishield ou Vaxzevria), Sinopharm e Sinovac (CoronaVac).
VER TODAS EM TURISMO
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.