Bonito, Mato Grosso do Sul - 15 de Abril de 2021
Turismo

Bonito faz readequações no turismo com novo decreto municipal

Seguindo o decreto estadual, o município também estabeleceu medidas restritivas para enfrentamento à Covid-19; saiba como o turismo de Bonito e região vai funcionar.

Com informações de Bonito Informa e assessoria - Ketlen da Silva
Em 26 de Março de 2021 às 16h37
Flutuação nas águas cristalinas de atrativo de Bonito. (Divulgação)

Um novo decreto, com medidas mais restritivas para enfrentamento à Covid-19, entra em vigor nesta sexta-feira (26) em Bonito. Graças à união dos empresários da cidade, parte do turismo segue funcionando, mas com uma série de novas regras.

Hoje, a Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) encaminhou um ofício para a Prefeitura de Bonito. No documento, assinado pelo secretário de Estado de Meio Ambiente, Jaime Verruck, e pelo diretor-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (FundTur), Bruno Wendling, o Estado prestou esclarecimentos sobre a abertura de alguns atrativos da Capital do Ecoturismo, os quais seguirão à risca todas as medidas já implantadas nos protocolos de biossegurança, além de também diminuírem a quantidade de visitantes pela metade.

Desde o começo da pandemia, todo o trade turístico de Bonito tem se preocupado com a disseminação do coronavírus. A cidade chegou a ficar com as portas fechadas durante três meses e só reabriu depois de sete protocolos de biossegurança, sendo um de cada segmento, serem implantados no município.

Diminuir a capacidade de pessoas, uso de máscara obrigatório, aferição da temperatura dos visitantes, fornecimento de álcool em gel e muitas outras medidas de prevenção estão entre as regras estabelecidas nos documentos.

A cidade de Bonito já foi eleita várias vezes como destino de turismo responsável no mundo em premiações internacionais e neste ano de 2021 não foi diferente. Com os protocolos de biossegurança implantados na cidade, o município mais uma vez foi destaque mundial considerado também uma atração internacional segura. Bonito recebeu o selo internacional de turismo seguro "Safe Travels", criado pelo Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC - World Travel & Tourism Council). Mato Grosso do Sul se tornou um dos primeiros Estados brasileiros a conquistar o selo. O recebimento do selo é uma confirmação de que os atrativos turísticos de Bonito e região tem seguido corretamente os protocolos de biossegurança para receberem os turistas e preservarem a saúde de seus colaboradores.

De acordo com o Presidente do IDB (Instituto de Desenvolvimento de Bonito), Augusto Mariano, todas as regras estabelecidas nos protocolos de biossegurança já estavam sendo cumpridas antes de estabelecerem decretos. Com algumas medidas mais restritivas, o turismo de Bonito segue trabalhando, mas com muita responsabilidade. “O turismo é um dos setores que mais movimenta a economia e gera empregos na cidade de Bonito. Estamos cumprindo as regras, inclusive cumpriremos as novas medidas estabelecidas no novo decreto. O Instituto de Desenvolvimento de Bonito se posiciona dizendo que ninguém é contra salvar vidas, todas as medidas são bem-vindas, entretanto, também devemos pensar na economia do município”, disse Augusto.

Veja como será o funcionamento do turismo do dia 26 de março até 04 de abril

  • O Decreto Municipal nº 74/2021 dispõe que as agências de turismo devem permanecer fechadas, somente com trabalho interno, atendimento pré-agendado ou home office;
  • Os hotéis e meios de hospedagem entraram como serviços essenciais e podem funcionar com redução de 50% da capacidade;
  • Os atrativos naturais, com exceção dos balneários, podem operar com redução de 50% da capacidade de carga do passeio;
  • Os bares e restaurantes, lanchonetes e padarias, podem funcionar somente com serviço delivery e drive-thru;
    Transportadoras turísticas podem funcionar obedecendo os protocolos de biossegurança e com redução de 50% da capacidade.

O Decreto também impõe que estão permitidos os cultos e atividades religiosas desde que obedeça o distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as pessoas e o limite de 50 pessoas por culto ou atividade.

Os comércios de uma forma geral deverão ficar fechados ao atendimento ao público, somente sendo permitido o funcionamento na modalidade delivery e drive-thru e as conveniências poderão funcionar fora do horário do toque de recolher, porém vedado o consumo de alimentos e bebidas no local.

As atividades, serviços e empreendimentos elencados no Anexo do Decreto nº 74 estão autorizados a funcionar até as 20h00 durante a semana e até as 16h00 nos sábados e domingos.

Dentro do horário do toque de recolher estão autorizados a funcionar os seguintes serviços: de saúde, de transporte, de fornecimento de alimentos e medicamentos por meio de delivery, às farmácias ou drogarias, às funerárias, aos postos de combustíveis, às indústrias, aos restaurantes instalados no interior de postos de combustíveis localizados em rodovias e aos hotéis e serviços congêneres; os hipermercados, supermercados e mercados, dentre os quais não se incluem o acesso simultâneo de mais de uma pessoa da mesma família, exceto nos casos em que for necessário acompanhamento especial; e os transportes intermunicipais.

Proibição

Estão proibidos eventos, reuniões e festas em propriedades privadas e logradouros públicos, feiras em propriedades públicas ou privadas, atividades de circos e parques de diversões e  eventos esportivos ao ar livre ou não, em propriedades privadas e/ou em espaços e logradouros públicos.

O consumo de bebidas alcoólicas, tereré e narguilé, assim como a utilização de caixas térmicas, coolers, isopores e similares, nas ruas, avenidas, praças, calçadas, logradouros e quaisquer outros espaços públicos também não podem acontecer.

A fiscalização será intensificada 24 horas e implicará em advertência, multa e/ou cassação do Alvará de Localização e Funcionamento (ALF), apreensão do veículo e condução coercitiva pelas autoridades competentes.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Turismo
Em 13 de Abril de às 16h21
Primeiro-ministro do país anunciou a suspensão, sem previsão de data para terminar. Profissionais de saúde e políticos de oposição fizeram pressão para que o governo adotasse a medida.
VER TODAS EM TURISMO
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.