Bonito, Mato Grosso do Sul - 15 de Abril de 2021
Educação

Governo anuncia volta das aulas remotas na rede estadual de MS

O governador Reinaldo Azambuja explicou que os alunos só vão voltar a ter aula nas unidades escolares quando a ciência determinar que é seguro.

Com informações de Governo de MS - Ketlen da Silva
Em 09 de Março de 2021 às 14h03
(Divulgação)

Seguindo recomendação do Centro de Operações de Emergência (COE-MS), o Governo de Mato Grosso do Sul suspendeu o acolhimento dos alunos e determinou o ensino remoto na Rede Estadual de Ensino a partir de amanhã (10). A decisão foi tomada por conta do aumento expressivo do número de casos, mortes, da taxa de transmissão e de ocupação dos leitos hospitalares por conta da pandemia da Covid-19. O anúncio foi feito pelo governador Reinaldo Azambuja, em uma transmissão ao vivo pelas redes sociais. 

“Nós estamos atingindo um aumento de 67% de óbitos em Mato Grosso do Sul. Fechamos o número em 3.491 pessoas que perderam a vida. Somos muito solidários a essas famílias, a esses familiares de pessoas que perderam a vida. Tivemos aumento de mais de 20% na média móvel de casos nesses últimos dias. Em praticamente duas regiões, a macrorregião de Campo Grande e a de Dourados, quase a totalidade dos leitos de UTI foram utilizados. Temos um grande volume de pessoas internadas e uma variante nova com volume exponencial de contaminações. Isso fez o COE-MS recomendar a não volta das aulas presenciais”, disse o governador.

Ele explicou que os alunos só vão voltar a ter aula nas unidades escolares quando a ciência determinar que é seguro. Reinaldo Azambuja contou ainda que Mato Grosso do Sul aderiu a um pacto nacional com outros 22 estados para diminuir o número de contaminações. Mato Grosso do Sul e o Brasil vivem o pior cenário da pandemia, alertou o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende. A taxa de contágio, segundo ele, saltou de 0,92 para 1,02 - o que significa que um grupo de 100 pessoas com a doença contamina outras 102. Referência no tratamento, o Hospital Regional, em Campo Grande, está com todos os leitos ocupados.

Para a Secretaria de Estado de Educação (SED), os alunos terão condição de continuar aprendendo. A secretária Maria Cecília Amendola da Mota afirmou que 17 mil turmas escolares estão no Google Class. Aulas serão transmitidas pela TVE e os alunos que não tiverem acesso à internet terão disponíveis material impresso. Além disso, haverá a disponibilidade do uso da sala de informática da escola para quem não tem conectividade em casa, quando necessário. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Educação
VER TODAS EM EDUCAÇÃO
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.