Bonito, Mato Grosso do Sul - 14 de Julho de 2020
Polícia

PMA de Miranda autua infrator por desmatamento ilegal de mais de 19 hectares de vegetação

O fazendeiro foi multado em mais de R$100 mil reais e utilizou a área para plantio de pastagem.

Ketlen da Silva
Em 19 de Setembro de 2019 às 15h43
A área desmatada teve 19,54 hectares destruídos dentro de área protegida. (Divulgação/PMA)

Nesta quarta-feira (18), durante fiscalização ambiental no município, a Polícia Militar Ambiental de Miranda localizou uma área desmatada ilegalmente em uma fazenda à margem da região. A área desmatada, medida com uso de GPS, teve 19,54 hectares destruídos dentro de área protegida.

O infrator, residente em Miranda, suprimiu a vegetação há algum tempo para o plantio de pastagem. A madeira, resultante da vegetação desmatada, não estava mais no local, havendo somente restos de árvores em meio à pastagem. Ele foi autuado e recebeu multa administrativa de R$ 107.474,00. O fazendeiro também responderá por crime ambiental, que prevê pena de um a três anos de detenção. Além disso, ele foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Polícia
VER TODAS EM POLÍCIA
Notícias em destaque agora
Em 14 de Julho de 2020 às 11h08
Estudo foi publicado no dia 02 de julho no Jornal Internacional de Doenças Infecciosas (International Journal of Infectious Diseases), publicação revisada por outros médicos, de acesso público da Sociedade Internacional de Doenças Infecciosas.
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.