Bonito, Mato Grosso do Sul - 6 de Dezembro de 2019
Geral

Abandono de animais será tema de campanha em Dezembro

O objetivo é conscientizar a população de que o abandono é crime e um ato cruel com o animal.

Com informações de Governo do Estado de MS
Em 10 de Setembro de 2019 às 14h49
(Divulgação/Governo do Estado de MS)

Publicada no Diário Oficial desta terça-feira (10), a campanha “Dezembro Verde – Não ao Abandono de Animais no Estado de Mato Grosso do Sul”, sancionada pelo governador Reinaldo Azambuja, já está em vigor e será regulamentada em 30 dias.

A campanha tem o objetivo de conscientizar a população de que o abandono é crime, além de ser um ato cruel que pode condenar o animal à morte. De acordo com o texto, ela será realizada todos os anos, na primeira semana do mês de dezembro, época em que o abandono de animais aumenta em razão das férias, por meio de ações de conscientização, eventos e de divulgação de material publicitário sobre o tema.

Em sua justificativa, o deputado Lucas de Lima, autor da proposta, afirma que centenas de animais são abandonados todos os dias em Mato Grosso do Sul. “Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam que existem cerca de 30 milhões de animais abandonados nas ruas no Brasil, destes 20 milhões são cachorros e 10 milhões são gatos”, diz.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Geral
Em 04 de Dezembro de às 10h10
Levantamento do Sebrae/MS e Fecomércio/MS mostra que município apresentou maior estimativa de interessados em comprar presentes.
VER TODAS EM GERAL
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.