Bonito, Mato Grosso do Sul - 29 de Março de 2020
Saúde

Corumbá suspende aulas e toma medidas contra o coronavírus

Todos os eventos públicos agendados por qualquer autarquia pública municipal estão suspensos e os servidores com mais de 60 anos vão trabalhar de casa, no sistema home office.

Com informações de Prefeitura de Corumbá e Campo Grande News - Ketlen da Silva
Em 17 de Março de 2020 às 10h06
Santa Casa de Corumbá (Prefeitura de Corumbá)

A Prefeitura de Corumbá também apertou o cerco contra o novo coronavírus e decidiu suspender, a partir de quarta-feira (18), as aulas da rede municipal de ensino por 15 dias corridos. A medida foi estabelecida em decreto publicado no Diário Oficial do município na segunda-feira (16).

Entram na lista de medidas a suspensão, também a partir de amanhã, de todos os eventos públicos agendados por qualquer autarquia pública municipal. Esses eventos, pontua o decreto, devem ser remarcados após aval da Secretaria Municipal de Saúde.

A Prefeitura também vedou concessões de licenças ou alvarás para eventos privados, que estão proibidos, e valem para qualquer um com público superior a 100 pessoas. Eventos já programados a partir de quarta terão as licenças suspensas de acordo com o decreto.

O executivo corumbaense pontua que a medida se estende até para estabelecimentos comerciais já licenciados, inclusive igrejas, museus, bibliotecas e centros culturais. Os cursos presenciais da Escola de Governo Municipal, Centros de Convivência de Idosos e dos Centros de Referência de Assistência Social também ficam suspensos a partir de quarta-feira.

Fica a cargo da assistência social, secretaria do município, pensar medidas para os mais vulneráveis, cita o decreto. Os servidores com mais de 60 vão trabalhar de casa, no sistema home office, e viagens de qualquer servidor pelo território de Mato Grosso do Sul, pelo país e fora do Brasil devem ser revistas ou remarcadas. Aqueles que voltarem de viagem deverão comunicar a secretaria de saúde do município e ainda que não apresentem nenhum sintomas, permanecer em isolamento por 7 dias. Férias e cursos que não sejam relacionadas a doença do coronavírus, a Covid-19, estão suspensas para os servidores da secretaria de saúde.

O prefeito Marcelo Iunes também confirmou o repasse extra de R$ 500 mil para a Santa Casa de Corumbá. O dinheiro será utilizado para ampliar a quantidade de leitos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e aumentar a o número de ventiladores mecânicos disponíveis no hospital, equipamento fundamental para quadros mais graves da doença.

O decreto ainda traz uma série de medidas, como exigir cancelamento das reuniões em Corumbá com presença de qualquer pessoa idosa ou com doença crônica. Até as torneiras públicas com jato de água deverão ser lacradas na cidade.

Situação em MS

Mato Grosso do Sul tem 4 casos de Covid-19 até o momento: todos em Campo Grande, 1 mulher e 3 homens. Um deles, assessor da prefeitura, Robson Gatti, de 46 anos, está internado no Hospital da Cassems desde domingo (15). O último a entrar na lista até agora é o cônsul da Síria em Mato Grosso do Sul, Kabril Yussef, de 66 anos, que deu entrada no Proncor no sábado (14) e no domingo (15) foi transferido para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo.

As primeiras confirmações foram de uma jovem de 23 anos, atendida na UPA Leblon no dia 12 de março e contaminada depois de contato com infectado no Rio de Janeiro. O outro caso é de um homem de 31 anos, também em 12 de março, que voltou de um trabalho em Londres. Não integra a relação oficial outro campo-grandense que já teve a confirmação para a doença, empresário de 39 anos que no dia 10 de março também foi transferido para o Sírio Libanês.

No total, o Estado já registrou 88 notificações em 5 municípios. Além dos 4 confirmados, 33 ainda estão sob suspeita, 41 casos já foram descartados e 10 excluídos.

Fronteira

Além dos casos que começam a surgir em Mato Grosso do Sul, Corumbá está na divisa da fronteira entre Brasil e Bolívia, país que já decretou estado de emergência pelo coronavírus. Na Bolívia, havia dez casos confirmados até a última sexta-feira (13). A presidente em exercício, Jeanine Áñez, anunciou a proibição à entrada no país de passageiros vindos da China, Coreia, Itália e Espanha. A suspensão de voos para e da Europa e "grandes eventos públicos" com mais de mil pessoas já havia sido tomada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Saúde
Em 24 de Março de às 15h36
Telefones receberão denúncias sobre locais que nao seguem as medidas de controle do coronavírus na cidade.
VER TODAS EM SAÚDE
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.