Bonito, Mato Grosso do Sul - 22 de Janeiro de 2020
Polícia

Policial civil mata a esposa e depois tira a própria vida em Jardim

Crime ocorreu na tarde desta quinta-feira (02).

Com informações de G1 MS - Ketlen da Silva
Em 03 de Janeiro de 2020 às 09h29
Divulgação. (PM)

O policial civil Adalberto Duarte da Silva, de 43 anos, matou a esposa, Livia Cathiane Gauna Acosta Duarte da Silva, de 30 anos, com dois tiros na tarde desta quinta-feira (02) e depois se matou, também com um disparo de arma de fogo.

O crime ocorreu na casa do casal, na vila Angélica, em Jardim, por volta das 15h00. O policial trabalhava na 1ª Delegacia de Polícia Civil do município.

A Polícia Civil divulgou no início da noite uma nota oficial sobre o caso. No texto aponta que o policial, entre janeiro e julho de 2019, esteve afastado de suas funções para tratamento psicológico e que atualmente estava em readaptação profissional, desenvolvendo suas atividades no âmbito administrativo da 1ª DP de Jardim e não utilizava arma da corporação.

A nota aponta ainda que a Policia Civil está de luto e que lamenta a perda de duas vidas de forma trágica.

A esposa teria passado a virada do ano em Porto Murtinho, na casa de familiares e teria retornado ontem à tarde. Ele teria a pegado na rodoviária de Jardim no começo da tarde e seguido para a casa do casal, onde teriam discutido e em seguida o policial teria matado a mulher e depois se matado.

O caso foi registrado na primeira delegacia de Polícia Civil de Jardim como suicídio, feminicídio e violência doméstica e familiar.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Polícia
VER TODAS EM POLÍCIA
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.