Bonito, Mato Grosso do Sul - 25 de Setembro de 2020
Geral

Oscar vai exigir mais diversidade em indicados a melhor filme a partir de 2024

Academia dos EUA, organizadora da premiação, anunciou novos requisitos para que produções concorram em sua principal categoria.

Com infoemações de G1
Em 09 de Setembro de 2020 às 16h40

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos anunciou nesta terça-feira (8) novas exigências para que produções sejam indicadas à categoria de melhor filme do Oscar a partir de 2024.

As medidas fazem parte de um plano da organizadora da maior premiação do cinema para aumentar a diversidade da indústria.

Em resumo, produções que quiserem concorrer à principal categoria do Oscar devem atender a dois dos quatro critérios:

  • ter membros de minorias, como negros ou latinos, em papéis de protagonistas ou coadjuvantes, ou 30% do elenco composto por grupos pouco representados, ou narrativa principal focada nestes grupos;
  • ter um número determinado de membros de grupos pouco representados, como mulheres ou pessoas com deficiência, em cargos de liderança ou 30% da equipe geral formada por membros destes grupos;
  • oferecer cargos pagos de estágio ou de aprendizado para membros de grupos pouco representados nos estúdios, distribuidoras e produtoras, além de vagas de oportunidades de desenvolvimento de habilidades e de treinamento para membros destes grupos em cargos menores na equipe de produção;
  • ter cargos de liderança nos estúdios e/ou produtoras preenchidos por membros de minorias ou grupos pouco representados nas equipes de marketing, distribuição e/ou publicidade. 

Todas as demais categorias devem manter seus requisitos atuais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Últimas notícias em Geral
VER TODAS EM GERAL
Notícias em destaque agora
Política de Conteúdo
O objetivo do Bonito Notícias é divulgar notícias, reportagens, entrevistas, eventos e outros conteúdos variados direcionados ao público de Bonito e demais regiões de Mato Grosso do Sul, assim como para leitores de outras regiões do Brasil e exterior. Para a construção dos textos usamos informações próprias, releases de assessorias de imprensa, internet, revistas, artigos e contribuições do público, imagens próprias e imagens de divulgação. Todas as fontes, créditos, e marcas d'água tanto de textos ou fotos são devidamente creditados. Caso você seja autor e se sinta prejudicado por qualquer foto/imagem ou texto publicado, entre em contato por e-mail e prontamente faremos a remoção.